Habacuque chamou a sua nação para a mesma fé em Deus que ele encontrou em meio a certas desgraças da vida. O livro continua sendo uma mensagem de esperança e consolo ao povo de Deus.

Ele aprendeu que colocar a sua fé no Deus fiel viverá pela fé. Mesmo em meio as dificuldades ele louvou ao Senhor e obedeceu com alegria.

Naum do hebraico “compassivo”.

O livro de Naum serve como um forte testemunho da força e da fidelidade de Deus, que julga o mal onde quer que encontre. O Senhor é capaz de destruir a maior fortaleza e sempre protegerá o seu povo. Ao contrário da mensagem de Deus ao seu povo, que prometia restauração e libertação, nenhuma mensagem de esperança existia para a Assíria por causa da iniquidade daquela nação.

O nome Miquéias vem, provavelmente, de uma palavra que tem o significado de: “Quem é semelhante a Jeová?”.

Miquéias clamou contra à corrupção ética e social da sua sociedade. Ele anunciou o desastre iminente que viria do Senhor e pediu ao povo mais que um arrependimento apenas aparente. Ele suplicou ao povo de Deus que agisse de forma justa, amasse a misericórdia e andasse humildemente com o seu Deus.

“Porque o poder está em suas mãos”: Miquéias obviamente se refere aos ricos e aos líderes que usaram as suas posições de poder para maltratar os pobres. O poder, seja econômico ou político, não deve ser usado para ganhar vantagem sobre os menos poderosos. O rico deve ser generoso (veja 1 Timóteo 6:17-19). O governante deve proteger os justos (veja Romanos 13:4). O senhor deve tratar os seus servos com justiça (Colossenses 4:1).

Trecho extraído de: http://www.estudosdabiblia.net/miqueias.htm

Jonas do hebraico significa “pomba”.

O chamado de Deus para Jonas pregar o arrependimento à cidade de Nínive, a sua teimosia em não fazer a vontade do Senhor e fugir para outro caminho, nos mostra que quando não fazemos a vontade do Senhor, a tempestade e males vêm nos assolar e acabamos prejudicando outras pessoas também.

Ir pra um caminho além do caminho que é Cristo, só nos traz morte. Jesus também fez uso da experiência de Jonas no ventro do grande peixe para explicar sua morte, sepultamento e ressurreição. (Jn 1.17 e Mt 12.38-41).

Obadias do hebraico significa “servo ou adorador do Senhor”.

O tema principal deste livro que é o mais curto do AT é o da reciprocidade.

Deus castigou Edom fazendo com ele o mesmo que essa nação fez com Judá.

Como Edom representa todos os que se opõem ao Senhor, o pronunciamento de juízo de Obadias contra Edom adverte sobre a destruição de todos os que se opõem a Deus e seu povo.

Outro tema relacionado é a promessa de Deus obre a libertação de Israel. Ambos os temas encontram cumprimento em Cristo, que sofreu juízo de Deus a favor de seu povo. Cristo voltará como o último juiz para julgar cada pessoa e nação e estebelecer seu reino eterno na consumação do século.

1 2 3 4 5 6 7 8 »